sexta-feira, 29 de abril de 2011

Local da Cristoteca

A comissão da Cristoteca, se reuniu essa semana com o objetivo de avaliar pelos jovens a mudança do novo local onde seria realizada, como muitos acharam o GPH distante todos da comissão acharam por bem realizar essa edição no Colegio Nossa Senhora das Graças.
Desde já, pedimos desculpa pelas mudanças e agradecemos a compreensão.

quinta-feira, 28 de abril de 2011

Faixa da Cristoteca

terça-feira, 26 de abril de 2011

Mudança do local onde vai ser realizada a CRISTOTECA


A comissão da Cristoteca se reuniu nesta terça-feira, para planejar como vai ser divulgado o novo local onde vai ser realizado o evento, que vai acontecer neste Sábado dia 30 de abril, que até então seria realizado no Colégio Nossa Senhora das Graças.
O motivo da mudança de endereço foi devido a grande procura por ingressos, e o auditório do Colégio Nossa Senhora das Graças não comportaria o público esperado, sendo assim foi fechado um contrato com o Grupo de Promoção Humana (GPH), que está localizado no Cônego, ao lado da Paróquia de San'tana.
Coordenador do Grupo Jovem Graças Bruno Moura

O coordenador Bruno Moura lembrou que a cada edição da Cristoteca o público aumenta e cabe aos organizadores pensar em novas formas de levar conforto e boa música para todos que confiam nos organizadores , ja que faltando uma semana para o evento 80% dos ingressos foram vendidos. Parabenizou também pela ousadia que todos tiveram, que não mediram esforços para investir em equipamentos de qualidade, como SOM, ILUMINÇÃO, SEGURANÇA, ESPAÇO,  PRAÇA DE ALIMENTAÇÃO e Dj.
Lembramos que os ingressos estão sendo vendidos nos seguintes lugares:
  • Doce Mania
  • Ótica Imperatriz
  • Loja Filhos de Deus
  • Rafiana Presentes
  • Secretaria da Paróquia N. Sra. das Graças
Garanta já seu ingresso e participe conosco!

Ultima Cristoteca realizada no Graças

segunda-feira, 25 de abril de 2011

Seminário sobre a CF 2011

28 de Abril, 5ª feira ás 19:30 hrs

Tema: " A criação geme em dores do parto"
Objetivo: apresentar o tema do ponto de vista bíblico-teológico, discutindo:
  • A relação entre o ser humano e o planeta;
  • As catástrofes e o plano de Deus;
  • A dificuldade de aceitar a perda e a dor.
Mesa redonda: Profª. Maria Thereza Cevolo da Silva
                          Profº. André Lopes Almeida
                          Psicólogo Rafael Guerra

29 de Abril, 6ª feira ás 19:30  hrs 

Tema: " A vida no planeta"
Objetivo: explanar o assunto a partir do ponto de vista técnico-científico, falando sobre:
  • A ação do homem e a natureza
  • As catástrofes naturais e atuais
  • Características geográficas e biológicas de Nova Friburgo
Mesa redonda:  Profº. Rafael Louredo
                          Dr. André Bohrer Marques
                          Biogeoquímico Paulo Fernando


Local: Colégio Nossa Senhora das Graças
Rua:    Praça Mons. Mielli, s/n, Olaria
Informações: (22) 2528-9135 (após ás 18h)

Realização:

IFAP
Instituto de Formação 
de Agentes Pastoral  Santo Agostinho


ENTRADA FRANCA

Cristãos podem formar rosto de Cristo com própria fotografia


Foi lançado, neste domingo, 24, o site www.face4jesus.com, onde cada pessoa pode construir o rosto de Cristo com a própria fotografia, usando o seu perfil do Facebook ou carregando um arquivo com a sua fotografia.

O projeto face4jesus é uma iniciativa da Terra das Ideias que convida os cristãos a “dar a cara pela ressurreição de Jesus”:

“Os cristãos são chamados a dar a cara pela ressurreição de Jesus, usando o seu perfil do Facebook ou carregando uma fotografia do computador”, esclarece a Terra das Ideias.

O nome do projeto indica também o objetivo que levou ao lançamento justamente no Domingo de Páscoa: cada cristão dar a face por Jesus como como testemunha da sua Ressurreição.

Criado por iniciativa da Terra das Ideias, este projeto conta com a parceria da, da Diocese do Porto, em Portugal,, da Agência Ecclesia e do lent2face (grupo de partilha da Quaresma no Facebook) e foi lançado em espanhol, francês, italiano, inglês e português com o intuito de reunir faces de todo o mundo na afirmação de um rosto de Cristo ressuscitado.

“A organização espera agora que os cristãos neste tempo pascal tão importante, adiram e divulguem a iniciativa e deem a face por Jesus”, sublinham os gestores da página.
Fonte: Agencia Ecclesia

domingo, 24 de abril de 2011

"Cristo ressuscitou!", um anúncio antigo e sempre novo, diz Papa


Após a Missa do dia de Páscoa, o Papa Bento XVI foi à sacada central da Basílica de São Pedro, no Vaticano, para dirigir aos fiéis a Urbi Et Orbi, uma benção especial conferida pelo Pontífice nas principais solenidades da Igreja. No Natal, na Páscoa e após a eleição de um novo papa, a benção que significa “de Roma para o mundo” é concedida a todos os fiéis do mundo, através da qual todos também podem receber a indulgência plenária

Pouco antes da benção, o Santo Padre proferiu uma mensagem na qual destacou este anúncio de ressurreição que se atualiza a cada ano.
“A manhã de Páscoa trouxe-nos este anúncio antigo e sempre novo: Cristo ressuscitou! O eco deste acontecimento, que partiu de Jerusalém há vinte séculos, continua a ressoar na Igreja, que traz viva no coração a fé vibrante de Maria, a Mãe de Jesus, a fé de Madalena e das primeiras mulheres que viram o sepulcro vazio, a fé de Pedro e dos outros Apóstolos”, enfatizou o Pontífice.

Bento XVI também explicou que a ressurreição de Cristo não é fruto de uma especulação, de uma experiêcia mística: é um acontecimento, que ultrapassa a história.

Palavras de motivação e esperança também fizeram parte da mensagem proferida pelo Santo Padre. Segundo ele, a morte e a ressurreição de Cristo dão um novo sentido à vida de todos nós, mesmo que esta seja marcada pelo sofrimento.

“Por isso, esta minha mensagem quer chegar a todos e, como anúncio profético, sobretudo aos povos e às comunidades que estão sofrendo uma hora de paixão, para que Cristo Ressuscitado lhes abra o caminho da liberdade, da justiça e da paz”, destacou o Pontífice

Bento XVI também demonstrou sua preocupação com a população da Costa do Marfim, que neste momento passa por uma grande crise sócio-política e enviou uma mensagem de conforto e de paz a todos os habitantes do país.

“Possa recompor-se a convivência civil entre as populações da Costa do Marfim, onde é urgente empreender um caminho de reconciliação e perdão, para curar as feridas profundas causadas pelas recentes violências. Possa encontrar consolação e esperança a terra do Japão, enquanto enfrenta as dramáticas consequências do recente terremoto, e demais países que, nos meses passados, foram provados por calamidades naturais que semearam sofrimento e angústia”, disse.

Ao final da mensagem, o Papa desejou feliz páscoa em 65 línguas a todos os cristãos do mundo.

Após as noites chuvosas sempre nasce o Sol


“Armou no alto uma tenda para o Sol; ele desponta no céu e se levanta” (Sl 18, 5b-6). De fato, caríssimos, estas palavras da Sagrada Escritura parecem, já neste contexto pascal, assumir peculiar significância e, neste ano marcado pelas sofridas consequências das intempéries pluviais sem precedentes na história recente de nossa região, recobram-se com novo vigor esperançoso e consolador. O Sol desponta... É Cristo quem desponta das sombras da morte! É o Sol que vem iluminar nossas misérias e, não obstante, retirar da sombra da morte aqueles que nela se encontram (cf. Lc 1, 78s) . As chuvas, que radicalmente modificaram o transcurso daquele fatídico mês de Janeiro, trouxeram consigo, dentre outras sequelas, destruição, dores, lágrimas e imergiram nosso município num aparente desalento, apenas superado pela presença de Cristo em nossa história, em nossa vida. “... na sombra da morte estão sentados!” (Lc 1, 79). Realmente, quem transitou por Nova Friburgo e regiões circunvizinhas nos dias que se seguiram àquela trágica noite pôde contemplar o completo transtorno e caos no qual nossa região envolvia-se. Estávamos, literalmente, absortos por tamanha e incomensurável estupefação pelo ocorrido. A possibilidade de ceifarem-se ainda mais vidas de modo igualmente inesperado não somente atordoou aqueles que procuravam entre as centenas de vítimas seus familiares, como também deixaram em alerta cidades inteiras e, de modo ainda mais sofrido, aqueles que engendravam o recomeço de uma vida que numa noite mudou-se radicalmente.
Hoje contemplamos o Sol a despontar do Sepulcro... O Sol sem ocaso que ilumina, aquece, consola e  fortifica aqueles que se põem sob seus raios redentores! A ressurreição de Cristo é a conquista que nos enche de esperanças, pois sabemos em quem colocamos nossa confiança (cf. 2Mc 8, 18) , de cujo suplício não foi esquecido, sabendo o Pai, a Seu tempo, atendê-Lo (cf.Hb 5, 7). Os nossos sofrimentos,conformados aos de Cristo, são a certeza de que tambémnão seremos nós olvidados pela misericórdia de Deus, que já nos acalenta, protege e guarda em Seu amor, pois sabemos traduzir em dito popular aquilo que, ansiosamente esperando a consolação prometida, lemos das Sagradas Escrituras, no Livro de Tobias: “após a tempestade, mandais a bonança; depois das lágrimas e dos gemidos, derramais a alegria” (Tb 3, 22) .
Rafael de Oliveira Archetti
A. D. MMXI

sábado, 23 de abril de 2011

Papa fala na TV sobre sofrimento, Ressurreição e outros temas de fé



O Papa Bento XVI respondeu a sete perguntas em um programa da televisão estatal italiana RaiUno na Sexta-Feira Santa, 22. A edição especial do programa levou o nome de "O Papa responde" e foi inédita na história do Papado.


Primeira pergunta - crianças e sofrimento

Foi formulada por uma menina japonesa de sete anos, chamada Elena, sobre o sentido da dor com base na vida e nos ensinamentos de Jesus, tendo como pano de fundo o terremoto e o tsunami que golpearam o país asiático. Filha de pai italiano, Elena estava no Japão durante o terremoto, viu morrer muitas crianças e ainda está assustada.
"Por que devo ter tanto medo? Por que as crianças devem ter tanta tristeza? Peço ao Papa, que fala com Deus, para explicar-me", pediu.

O Papa respondeu com docilidade à indagação da menina, dizendo que também ele se faz perguntas como essa e que nós não temos as respostas, "mas sabemos que Jesus sofreu como vós, inocente, que o Deus verdadeiro que se mostra em Jesus está do vosso lado. Isso me parece muito importante, ainda que não tenhamos as respostas, se permanece a tristeza: Deus está do vosso lado, e estais seguros de que isso vos ajudará. E um dia poderemos também compreender por que foi assim. Nesse momento parece-me importante que saibais: 'Deus me ama', também se parece que nem me conheça. Pelo contrário, ele me ama, está do meu lado", disse.

Bento XVI explicou para Elena que um dia será possível compreender que os sofrimentos não foram em vão, vazios, mas que por trás deles há um projeto bom, de amor. "Assegurai-vos de que nós estamos contigo, com todas as crianças japonesas que sofrem, desejamos auxiliar-vos com a oração, com os nossos atos e estejais seguras de que Deus vos ajuda. Rezamos juntos para que, sobre vós, venha a luz o quanto antes".


Segunda pergunta - corpo e alma

Feita por uma mãe italiana chamada Maria Teresa, que desde a Páscoa de 2009 cuida de seu filho em estado vegetativo. Ela perguntou ao Papa se a alma de seu filho abandonou o corpo, uma vez que ele não é mais consciente, ou se ainda está com ele. "Certamente a alma ainda está presente no corpo", respondeu o Papa, fazendo uma metáfora com um violão cujas cordas estão quebradas, de tal forma que não podem soar - da mesma forma, o instrumento do corpo é frágil, vulnerável, e a alma pode não "soar", mas permanece presente.

"Estou certo de que essa alma escondida sente em profundidade o vosso amor, ainda que não compreenda os detalhes, as palavras, mas sente a presença de um amor. Por isso essa vossa presença, queridos pais, querida mãe, ao lado dele, horas e horas todos os dias, é um ato verdadeiro de amor de grande valor, também um testemunho de fé em Deus, no homem, de compromisso pela vida, também nas situações mais tristes. Portanto, encorajo-vos a continuar, a saber que fazeis um grande serviço à humanidade com esse sinal de confiança, com esse amor por um corpo lacerado, uma alma que sofre".


Terceira pergunta - perseguição religiosa

Partiu de
um grupo de sete jovens cristãos estudantes de Bagdá, no Iraque - região que sofreu vários ataques contra cristãos nos últimos meses e tornou-se terra de martírio. "Nós, cristãos de Bagdá, somos perseguidos como Jesus. Santo Padre, segundo o senhor, de que modo podemos ajudar a nossa comunidade cristã a reconsiderar o desejo de emigrar para outros Países, convencendo-a que partir não é a única solução?"
O Santo Padre revelou que reza todos os dias pelos cristãos do Iraque, irmãos sofredores de todos os cristãos, pelos quais é preciso fazer todo o possível para que permaneçam em sua própria terra. Nessa perspectiva, Bento XVI salientou que as pessoas e instituições que podem fazer algo pelos cristãos no Iraque devem fazê-lo de fato, citando o exemplo da Santa Sé, que permanece em diálogo contínuo não só com os católicos, mas também com outras comunidades cristãs e também muçulmanos. "Desejamos fazer um trabalho de reconciliação, de compreensão, também com o governo, porque é um problema uma sociedade profundamente dividida, lacerada. Deve-se reconstruir a consciência de que, na diversidade, todos tem um lugar próprio e uma história comum. Estejais certos da nossa oração".

quinta-feira, 21 de abril de 2011

Show Pe. Fábio de Melo


O Grupo Jovem Graças está organizando uma excursão  para o show de Pe. Fábio de Melo em Macuco, no dia 24 de junho de 2011.
O valor da excursão é R$ 30,00 e podem ser reservadas na Secretaria da Paróquia Nossa Senhora das Graças com Anderson ou Bruno, lembramos que as vagas são limitas.


terça-feira, 19 de abril de 2011

Celebração do Tríduo Pascal


O espírito quaresmal nos encaminha para a Semana Santa, que precede a Páscoa.

Na segunda, terça e quarta-feira da Semana Santa, a Igreja prepara-se para o Tríduo Pascal, contemplando o Servo sofredor. Nesse período, aparecem como figuras eloquentes, Maria, a Mãe de Jesus, Maria Madalena, que perfuma o corpo do Senhor, Pedro e Judas.

Na liturgia romana o Tríduo Pascal é ponto culminante: "não se trata de um tríduo preparatório para a festa da Páscoa, mas são três dias de Cristo crucificado, morto e ressuscitado. Tem início na celebração da Ceia do Senhor, na Quinta-feira Santa, na missa vespertina, terminando com o domingo de Páscoa". São dias dedicados a celebrações e orações especiais.

Quinta Feira Santa

Missa do Lava-pés

Na Quinta-feira Santa comemoramos a última Ceia da páscoa hebraica que Jesus fez com os 12 apóstolos antes de ser preso e levado à morte na cruz. Durante esta ceia, Jesus instituiu a Eucaristia e o sacerdócio Cristão, prefigurando o evento novo da Páscoa cristã que haveria de se realizar dois dias depois.

O Cordeiro pascal a partir dessa ceia, é Ele próprio, que se oferece num voluntário sacrifício de expiação, de louvor e de agradecimento ao Pai, mareando assim a definitiva aliança de Deus com toda a humanidade redimida do poder do maligno e da morte.

A simbologia do sacrifício é expressa pela separação dos dois elementos: o pão e o vinho, a carne e o sangue, o Corpo e o Espírito de Jesus, inseparavelmente unidos e separados, sinal misterioso ao mesmo tempo de vida e de morte.

Esse evento do mistério de Jesus é também profecia e realização do primado do amor e do serviço na sua vida e na dos que crêem, o
que se tornou manifesto no gesto do lava-pés.

Depois do longo silêncio quaresmal, a liturgia canta o Glória. Ao término da liturgia eucarística, tiram-se as toalhas do altar-mor para indicar o abandono que o Senhor vai encontrar agora; a santa Eucaristia, que não poderá ser consagrada no dia seguinte, é exposta solenemente com procissão interna e externa a igreja e a seguir recolocada sobre o altar da Deposição até a meia-noite para adoração por parte dos fiéis.

Sexta Feira Santa

Veneração a Santa Cruz na Celebração Litúrgica

Na Sexta-feira Santa a Igreja não celebra a Eucaristia. Recorda a Morte de Cristo por uma celebração da Palavra de Deus, constando de leituras bíblicas, de preces solenes, adoração da cruz e comunhão sacramental.
Sábado Santo
Papa Bento XVI  na Vigília Pascal com o Círio

A noite do Sábado Santo é a "mãe de todas as vigílias", a celebração central de nossa fé, nela a Igreja espera, velando, a ressurreição de Cristo, e a celebra nos sacramentos.

A liturgia da Noite Pascal tem as seguintes partes: Celebração da Luz, Liturgia da Palavra, Liturgia Batismal e Liturgia Eucarística.

O Tríduo Pascal termina com as Vésperas do Domingo da Ressurreição. Na verdade o Cristo ressuscitou, aleluia! A ele o poder e a glória pêlos séculos eternos.

As Sete Dores de Maria

Amanhã as 18h30min o Grupo Jovem Graças está encenando as Sete Dores de Maria na quadra do Colégio Nossa Senhora das Graças, segue abaixo as Sete Dores:

1ª - A profecia de Simeão;
2ª - A perseguição de Herodes e a fuga da Sagrada Família para o Egito;
3ª - A perda do Menino Jesus no Templo de Jerusalém;
4ª - O encontro desta Mãe admirável com Seu Filho, carregando a Cruz, no caminho para o Calvário;
5ª - A crucifixão de Nosso Senhor;
6ª - Quando recebeu nos Seus braços o corpo de Jesus Cristo, descido da Cruz;
7ª - Quando depositou Jesus no sepulcro, ficando Ela em triste solidão. 

Pastorais da Juventude discutem políticas públicas de juventude no Brasil com Secretaria Nacional de Juventude


Representantes das Pastorais da Juventude (PJ) se reuniram no dia 15, em Brasília, com a nova secretária nacional de Juventude do Governo Federal, Severine Macedo. No encontro foram discutidas as perspectivas das políticas públicas de juventude no Brasil.
Participaram militantes da Pastoral da Juventude, Pastoral da Juventude do Meio Popular, Pastoral da Juventude Estudantil e Pastoral da Juventude Rural discutindo os temas centrais da política pública de juventude e apresentando uma plataforma para o trabalho da Secretaria e do Conselho Nacional de Juventude.
Segundo os participantes a reunião foi um primeiro contato com a Secretaria e representa mais um esforço de acompanhar o debate sobre políticas públicas de juventude no Brasil. “Ficamos felizes pela posse da companheira Severine, ex-militante da Pastoral da Juventude, como secretária nacional. Sem dúvida, esta reunião inaugura um novo período no debate das PJs com o governo federal”, afirmou Eric Moura, membro da coordenação nacional da Pastoral da Juventude do Meio Popular.
jovens_secretariajuventudeAlém da apresentação, da estrutura e dos objetivos da Secretaria Nacional de Juventude, nesta nova gestão, Severine ressaltou a importância das Pastorais da Juventude como espaço de formação, de tomada de consciência política, destacando a participação da PJ no Conselho Nacional de Juventude e a Campanha Nacional contra a Violência o Extermínio de Jovens, desenvolvida pelas PJs desde 2009. “As Pastorais da Juventude têm muito a colaborar neste campo das políticas públicas de juventude, por isso, estamos convidando-as para dialogar e trocar experiências”, afirmou a secretária.
Na reunião, as Pastorais da Juventude entregaram um Manifesto referente à violência e ao extermínio de jovens no estado de Goiás pedindo que a SNJ colabore nas investigações e acione a Secretaria Especial de Direitos Humanos e o Ministério da Justiça na perspectiva de resolução para o caso e punição para os responsáveis.
O Manifesto, composto por mais de 360 assinaturas de lideranças dos mais variados campos da sociedade civil e do poder legislativo, defende a vida e os direitos da juventude e exige uma rápida ação para o caso com “medidas rápidas na perspectiva de proteger os que estão ameaçados, e, o mais importante, a adoção de políticas sérias que coíbam a violência e promovam a formação, a fiscalização e a valorização das carreiras da polícia civil e militar.” afirma o manifesto.
Fonte: CNBB

João Paulo II: o Papa que tocou o coração dos jovens Gracielle Reis


A cena mostra um jovem sacerdote sempre em meio a outros jovens. Estava junto deles, praticando esportes, em apresentações artísticas e até os levando para aventuras e andar de canoa nos rios da Polônia. E o assunto entre eles era a caminhada em Deus e até mesmo a sexualidade humana.

Este são alguns do trechos do filme “Pope John Paul II” (Papa João Paulo II, 2005) que ilustra muito bem este contato do então Karol Wojtyla com os jovens. E quando se tornou “João Paulo II”, este aspecto de sua vida não foi diferente.
João Paulo II foi realmente o “papa da juventude” e o primeiro marco desta proximidade com os jovens foi com a instituição das Jornadas Mundiais da Juventude (JMJ), em 1985, quando aconteceu, na Praça São Pedro, um grande encontro por ocasião do Ano da Juventude, declarado pela Nações Unidas.
A primeira aconteceu, portanto, em 1986, no Domingo de Ramos, em Roma, com o tema “Estais sempre prontos a responder a todo aquele que pedir a razão de vossa esperança” (1 Pedro 3,15). A partir de 1987, com a grande procura dos jovens para o encontro, as jornadas foram organizadas em outros países e a primeira fora da capital italiana aconteceu em Buenos Aires, capital da Argentina.
A cada jornada, milhões de jovens do mundo inteiro não deixaram de acorrer ao futuro beato para ouvir as palavras do sucessor de Pedro. E a última JMJ de mobilização internacional de que participou foi em Toronto, no Canadá, no ano de 2002.
Na ocasião, o Papa Karol afirmou que, apesar de sua idade, ele continuava com as mesmas aspirações e esperanças do que os jovens:
“Vós sois jovens e o Papa é idoso, e ter 82 ou 83 anos não é a mesma coisa que ter 22 ou 23. Todavia, ele continua a identificar-se plenamente com as vossas esperanças e as vossas aspirações. Juventude de espírito, juventude de espírito! Embora eu tenha vivido no meio de muitas trevas, sob duros regimes totalitários, tive suficientes motivos para me convencer de maneira inabalável de que nenhuma dificuldade e nenhum temor são tão grandes a ponto de poder sufocar completamente a esperança que jorra sem cessar no coração dos jovens”.
Antes de morrer, em 2005, o Papa Karol também deixou suas últimas palavras à juventude. No dia 6 de agosto de 2004, ele assinou a mensagem para a 20ª JMJ, que aconteceu em agosto de 2005 e da qual acreditava que ainda estaria presente.
No texto, ele deixou um apelo para que os jovens não priorizem as coisas materiais e terrenas: “Jovens, não cedais a falsas ilusões nem a modas efêmeras, que muitas vezes deixam um trágico vazio espiritual! Recusai as soluções do dinheiro, do consumismo e da violência dissimulada que por vezes os meios de comunicação propõem”. 

Evangelização da Juventude

João Paulo II foi o grande marco da evangelização da juventude na história da Igreja”. Esta é a definição do assessor do Setor Juventude da Conferência Nacional do Bispos do Brasil (CNBB), padre Carlos Sávio, sobre o pontificado do antecessor de Bento XVI e o trabalho com os jovens.

De acordo com padre Sávio, todas as ações empreendidas pela Igreja a partir de então foram reflexo da adesão pessoal do Papa pela juventude. O sacerdote considera ainda que tudo o que Karol viveu em sua juventude, nos esportes, teatro etc, contribuiu substancialmente para seu pontificado e na sua maneira singular de falar aos jovens.
Ao destacar que não é possível não se emocionar com os discursos do Papa à juventude, o assessor da CNBB ressalta que os jovens sempre estiveram presentes na vida de João Paulo II e manifestavam sua proximidade a ele: “Os jovens não o deixaram, nem nos momentos mais difíceis de sua vida, de sua doença. Os jovens estavam de prontidão porque sentiam o seu carinho, o afago e a pertença que o Papa tinha para com os jovens da Igreja”.

A continuidade em Bento XVI
Padre Carlos Sávio afirma ainda que todo o trabalho de evangelização com a juventude tem sua continuidade com o Papa Bento XVI.
Na noite do dia 25 de março de 2010, por exemplo, ele se reuniu com mais de 70 mil jovens de Roma e de todo mundo para celebrar os 25 anos das Jornadas Mundiais da Juventude.
No encontro, Bento XVI renovou a sua unidade com João Paulo II na evangelização dos jovens:
"Hoje eu renovo esse apelo à nova geração para que dê testemunho com a força humilde e luminosa da verdade, a fim de que aos homens e às mulheres do terceiro milênio não faltem o modelo autêntico: Jesus Cristo".
Na ocasião, o sucessor do Papa Karol enfatizou aos jovens ali reunidos que é possível fazer uma opção pelas renúncias quando se atribui um sentido maior a elas. “A arte de ser homem exige renúncias e as renúncias verdadeiras, que nos ajudam a encontrar a estrada da vida, a arte da vida, nos são indicadas na Palavra de Deus e nos ajudam a não cair no abismo das drogas, do álcool, da escravidão da sexualidade, da escravidão do dinheiro e da preguiça", ressaltou. 
 Fonte: Canção Nova

segunda-feira, 18 de abril de 2011

Bento XVI: seis anos de pontificado


Após celebrar 84 anos de vida no sábado, 16, o papa Bento XVI se prepara para comemorar nesta terça-feira, 19, sete anos como líder espiritual da Igreja Católica e chefe do Estado da Cidade do Vaticano. Tudo acontece poucos dias antes da beatificação de seu predecessor, o então papa João Paulo II.
Joseph Ratzinger entra no sexto ano de papado com uma agenda lotada e, ainda por cima, escreve a terceira parte de seu livro "Jesus de Narazé", dedicada à infância de Jesus e ao começo de sua pregação, com lançamento previsto para o Natal.
A eleição do Cardeal Ratzinger
O primeiro Conclave do terceiro milênio, na quarta votação, elegeu Joseph Ratzinger novo papa, no dia 18 de abril de 2005, depois da morte de João Paulo II.
Às 17h50 do dia 19 de abril de 2005 começou a sair a fumaça branca pela chaminé da Capela Sistina, o sinal de que os 115 cardeais reunidos haviam eleito o novo papa. Poucos minutos depois, Ratzinger se apresentou diante dos fiéis como um "humilde trabalhador das vinhas do Senhor" e disse que adotou o nome em homenagem ao papa Bento XV, "um valente profeta da paz".
Fonte: CNBB

sexta-feira, 15 de abril de 2011

Pós Encontro do EJC


Convidamos todos os jovens para participarem conosco do 1º Pós Encontro do EJC, que será no dia 17 de abril ( Domingo ), ás 08h da manhã na Paróquia Nossa Senhora das Graças -  Olaria.
Desde já agradecemos a presença de todos.

Torneio da Juventude João Paulo II


Neste sábado(16/04/11), vai acontecer no Colégio Nossa Senhora das Mercês ás 10h da manhã o Torneio da juventude, organizado pelo setor juventude da Diocese de Nova Friburgo, que tem como coordenador diocesano o Pe. Marcos Vinicius de Macedo, e como assessor o Diácono Ironil.
Esse ano o torneio foi dividido em  duas modalidades, Futsal masculino (13 a 17 e 18 a 25 anos) e Handball feminino (13 a 17 e 18 a 25 anos), além dos prêmios para essas modalidades também será escolhida a melhor torcida, lembrando que o principal objetivo do mesmo é fazer um momento de confraternização da juventude católica da Diocese de Nova Fribrugo.
Além da juventude teremos a presença de nosso Pastor Dom Edney que presidirá a Santa missa de  abertura do campeonato.
Segue abaixo o cronograma:
  • 10h Credenciamente 
  • 11h Santa Missa celebrada por Dom Edney
  • Logo após  inicio dos Jogos
Desde já contamos com a presença de todos.

terça-feira, 12 de abril de 2011

Programação Semana Santa 2011


17/04 - Domingo de Ramos
(Obs: quem puder, traga um ramo)

08h - Concentração  no espaço de eventos da Via Expressa. Bênção e Procissão de Ramos
08h30 - Missa De Ramos
18h15 - Concentração na Praça Mons. Mieli
18h30 - Missa De Ramos

19/04 - Terça-feira

18h30 - Santa Missa
 Terço Vivo na Quadra do Colégio
 
20/04 - Quarta-feira

18h30 - Santa Missa
Encenação das Sete Dores de Maria na Quadra do Colégio

21/04 - Quinta-feira

09h - Missa da Bênção dos Santos Óleos, na Catedral.
19h - Missa da Instituição da Eucaristia e do Sacerdócio
  •  Lava-pés
  • Transladação do SSMO. Sacramento
  • Inicio da Vigilia

22/02 - Sexta-feira Santa

15h - Ação Litúrgica
  • Leitura da Paixão de Cristo
  • Veneração da Imagem de Cristo na Cruz
  • Via Sacra na rua
23/04 - Sábado Santo

21h Missa da Vigilia Pascal
  • Bênção do Fogo e da Água Batismal

24/04 - Domingo de Páscoa

04h - Concentração no Inicio da via expressa para Procissão da Ressurreição
04h30 - Procissão da Ressureição
05h - Missa da Ressureição
07h - Café Comunitário
18h30 - Missa Pascal

segunda-feira, 11 de abril de 2011

XIII EJC (Encontro de Jovens com Cristo)

Encontristas do XIII EJC

Aconteceu no ultimo fim de semana(09/04/11) o XIII EJC (Encontro de Jovens com Cristo), no Colégio Nossa Senhora das Graças - Olaria. O tema do  encontro desse ano foi tirado de uma carta de São Paulo aos Gálatas, " Já não sou eu que Vivo, mas Cristo que vive em Mim". A Grande Familia EJC, teve em sua XIII edição um dos maiores números de participantes, onde todos os jovens poderem fazer uma reflexão sobre o amor de DEUS por cada um de nós.
O encontro foi encerrado com a Santa missa na Paróquia Nossa Senhora das Graças, onde o Pe Gelcimar apresentou e acolheu todos os jovens que participaram do encontro a comunidade.
Foi marcado também o primeiro pós- encontro para o próximo domingo(17/04), ás 08h  da manhã, tendo inicio com a Missa de Ramos.




.

sexta-feira, 8 de abril de 2011

Papa diz estar consternado por atentado em escola do Rio

O Papa Bento XVI enviou um telegrama de pesar, nesta sexta-feira, 8, ao Arcebispo do Rio de Janeiro, Dom Orani João Tempesta, no qual se diz "profundamente consternado pelo dramático atentado perpetrado contra crianças indefesas".

O atentado que matou 12 crianças aconteceu nesta quinta-feira, 7, na Escola Municipal Tasso da Silveira, em Realengo, na zona oeste do Rio de Janeiro.
No telegrama enviado por meio do Secretário de Estado, Cardeal Tarcisio Bertone, o Papa convida todos os cariocas, diante desta tragédia, a dizerem não à violência que é "um caminho sem futuro e procurem construir uma sociedade fundada na justiça e no respeito pelas pessoas, sobretudo pelos mais fracos e indefesos".

No final da mensagem Bento XVI concede a todo o povo brasileiro a sua benção apostólica.

Confira a íntegra do telegrama do Santo Padre

Excelência Reverendíssima
Dom Orani João Tempesta
Arcebispo de São Sebastião do Rio de Janeiro
Profundamente consternado pelo dramático atentado realizado contra crianças indefesas em um colégio municipal no bairro do Realengo, o Sumo Pontífice deseja assegurar através de Vossa Excelência Revma sua solidariedade e conforto espiritual às famílias que perderam seus filhos e toda a comunidade escolar, com votos de pronta recuperação dos feridos.
O Santo Padre convida todos os cariocas, diante desta tragédia, a dizer não à violência que constitui caminho sem futuro, procurando construir uma sociedade fundada sobre a justiça e o respeito pelas pessoas, sobretudo os mais fracos e indefesos.
Em nome de Deus, para que a esperança não esmoreça nesta hora de prova e faça prevalecer o perdão e o amor sobre o ódio e a vingança, Sua Santidade Papa Bento XVI concede-lhes uma confortadora bênção apostólica.
Cardeal Tarcísio Bertone
Secretário de Estado de Sua Santidade

quinta-feira, 7 de abril de 2011

Atentado a escola feriu a todos os cariocas, diz arcebispo do Rio

O arcebispo da arquidiocese do Rio de Janeiro, dom Orani João Tempesta, divulgou uma nota lamentando o atentado à Escola Municipal Tasso Fragoso da Silveira, na capital fluminense. Segundo o arcebispo, o atentado “feriu não só aqueles que foram atingidos, mas também a todos os cariocas”.
O atentando ocorreu na manhã desta quinta-feira quando Wellington Menezes de Oliveira, 23 anos, invadiu a escola e disparou vários tiros. Já foram confirmados 11 mortos (9 meninas e 1 menino), mais o atirador, e 17 feridos com gravidade. Segundo a polícia, Wellington era ex-aluno da escola, que fica no Realengo.
Veja a íntegra da nota de dom Orani

NOTA DO ARCEBISPO DO RIO SOBRE O ATENTADO NA ESCOLA TASSO FRAGOSO DA SILVEIRA

O atentado a tiros contra alunos, alunas, funcionários e outras pessoas, agora pela manhã, na Escola Municipal Tasso Fragoso da Silveira, em Realengo, zona oeste de nossa cidade, que resultou também em mortos e com a consequente morte do atirador, feriu não só aqueles que foram atingidos, mas também a todos os cariocas.
Como Pastor desta Arquidiocese, lamento profundamente o acontecido, rezo e uno-me à dor de todos que foram vitimados,  pais, familiares e amigos. Peço ao Senhor Jesus, neste tempo de Quaresma, que a todos conforte e envio também uma bênção especial, pedindo a Deus que tal fato não volte a acontecer em nossa cidade.

Rio de Janeiro, 7 de abril de 2011
Dom Orani João Tempesta
Arcebispo do Rio de Janeiro

quarta-feira, 6 de abril de 2011

Filme francês sobre monges chega ao Brasil e pode suscitar vocações


Na preparação para a Semana Santa, a distribuidora Imovision, com o apoio da CNBB, leva aos cinemas brasileiros o filme francês “Homens e Deuses” (Des Hommes et des Dieux, 2010), de Xavier Beauvois. O longa retrata a história real da comunidade de monges cisterciences (trapistas) franceses, que foram assassinados em Thibirine, na Argélia, no ano de 1996, e deram seu testemunho pela missão monástica a eles confiada, como a aproximação de diálogo cristão e muçulmano.

A estreia será realizada no Rio de Janeiro e em São Paulo no dia 15 de abril, se estendendo depois para outros estados. Na noite de 14 de abril, haverá uma pré-estreia no Cine Odeon para convidados da Arquidiocese do Rio de Janeiro. Cada paróquia da cidade vai enviar um representante e os seminaristas também receberão o convite.

A produção já alcançou uma bilheteria de mais de três milhões de pessoas na França e foi vencedora do Grand Prix no Festival de Cannes, mostrando o testemunho dos monges que, de acordo com o Arcebispo do Rio,  Dom Orani João Tempesta, que é cisterciense. pode ser um despertar vocacional para muitos jovens.

"Temos certeza que, aqui no Brasil, este filme fará sucesso, porque oferece condições de diálogo, de propostas para viver os valores humanos e cristãos, tendo presente a vida simples dos monges, no seu cotidiano, e o testemunho de dar a vida pelo povo do vilarejo", disse Dom Orani.
Fonte: Arquidiocese de São Sebastião do Rio de Janeiro

terça-feira, 5 de abril de 2011

A Grande Familia EJC se reuni nesse fim de semana no seu XIII Encontro


Local: Colégio Nossa Senhora das Graças
Data: 09 e 10 de Abril
Horário: 8h ás 20h

Confissões para Páscoa

Nesta sexta-feira(08/04/11), a partir das 19:00h acontecerá na Paróquia Nossa Senhora das Graças as confissões para a Páscoa.

A Reconciliação
 
 Nós cristãos somos chamados à santidade,e para isso devemos viver na graça de Deus; mas podemos perder a graça batismal pelo pecado mortal, que mata a vida sobrenatural da alma e rompe a amizade e a comunhão com Deus. O pecado, como explica o Papa João Paulo II, é um ato suicida, porque antes de tudo, o homem fere-se a si mesmo, destruindo toda boa obra.
O Senhor Jesus instituiu o sacramento da penitência, que também se chama muito adequadamente "Sacramento da Reconciliação" ou Confissão, para perdoar os pecados cometidos depois do Batismo e abrir-nos assim a porta à reconciliação com Deus.
Jesus Cristo, por ser Deus, tem poder para perdoar os pecados, e deu este poder aos Apóstolos e seus sucessores no sacerdócio, que atuam "na pessoa de Cristo"; ou seja, que, de fato, é o mesmo Jesus Cristo quem perdoa pelo mistério do sacerdote.

O que é o sacramento da reconciliação?
É o sacramento instituído por Jesus Cristo para perdoar os pecados cometidos depois do Batismo.

O que é necessário para fazer uma boa confissão?
Para fazer uma boa confissão é necessário:
1º Exame de consciência.
2º Dor pelos pecados.
3º Propósito de emenda.
4º Dizer os pecados ao confessor.
5º Cumprir a penitência.

O que é o exame de consciência?
É lembrar os pecados cometidos desde a última confissão bem feita.

sábado, 2 de abril de 2011

Ocorreu um erro neste gadget

Videos

Loading...

 
Design by Wordpress Theme | Bloggerized by Free Blogger Templates | coupon codes